Publicações

Perguntas Frequentes


Financiamento


Como é que se mantem a Brahma Kumaris?

A Brahma Kumaris é mantida mediante contribuições voluntárias, financeiras ou outras, de indivíduos que tomaram benefício dos cursos e das atividades. Ao permanecerem inspirados para servir outros, os alunos da Brahma Kumaris contribuem regularmente e voluntariamente com o seu trabalho, de acordo com as suas possibilidades. Não existe nenhuma taxa de adesão.
 
Por vezes, são recebidos fundos provenientes de simpatizantes e agências nacionais e internacionais, para iniciativas humanitárias e ambientais, tais como projetos de energia solar, projetos de saúde e de educação.

Porque é que todos os cursos e programas oferecidos pela Brahma Kumaris são gratuitos?

Desde o início, o trabalho da Brahma Kumaris baseia-se no princípio de que o conhecimento espiritual é um direito básico de cada ser humano. O objetivo do fundador (Brahma Baba) era que todos tivessem a oportunidade de desenvolver o seu potencial espiritual, de forma gratuita, independentemente da idade, situação financeira ou origem. Este princípio é praticado por todos os professores e alunos da Brahma Kumaris.

Perguntas Frequentes


Participação


Qualquer pessoa pode participar dos cursos e programas?

Todos são bem-vindos e podem optar por participar em qualquer actividade que escolherem. Os encontros informais que são abertos ao público e as visitas são uma oportunidade para conhecer melhor a organização, mesmo antes de se decidir participar em qualquer um dos cursos e actividades nos centros locais. Para alguns cursos e programas é necessária uma inscrição prévia.

É permitida a participação de crianças?

Os jovens com mais de 16 anos podem juntar-se aos grupos de atividades ou aulas. Os jovens menores de 16 anos devem fazer-se acompanhar pelos pais ou pela pessoa responsável.
Todos os centros da Brahma Kumaris têm políticas de proteção de menores, de acordo com as leis da respetiva cidade e país.

Preciso de ter alguma precaução antes de aprender a meditação Raja Yoga?

Geralmente, todos podem beneficiar da Meditação Raja Yoga. Mas se não tem a certeza ou se tem algum tipo de doença mental, é aconselhável que consulte o seu médico antes de aprender a meditar. Também é importante que não interrompa o uso de medicamentos sem antes consultar o seu médico.

A Brahma Kumaris oferece aconselhamento?

A organização não tem o papel de oferecer aconselhamento em nenhum dos seus centros. A Brahma Kumaris oferece uma gama muito diversificada de cursos baseados no conhecimento espiritual. As pessoas são livres de escolher o curso que mais lhe interessar.

Perguntas Frequentes


Organização e Administração


Quem dirige atualmente a Brahma Kumaris?

Quando o fundador, Brahma Baba, faleceu em Janeiro de 1969, a liderança da organização continuou com os membros originais do comité de jovens mulheres. Hoje, as líderes permanentes, a maioria entre os oitenta e noventa anos, possuem uma presença poderosa, tendo dedicado as suas vidas a tornarem-se mestres na absorção e aplicação do conhecimento espiritual. Dadi Janki exerce atualmente o papel de Diretora Administrativa da Brahma Kumaris; Dadi Hirdaya Mohini é a Diretora Administrativa Adjunta e Dadi Ratan Mohini é a Diretora Administrativa Associada.
 
Estas mulheres, carinhosamente chamadas de Dadis (irmãs mais velhas), servem como instrumentos, partilhando de uma dedicação total a Deus. Respeitadas como yogis seniores, elas têm um imenso amor e respeito entre si e um compromisso absoluto com o serviço do mundo.

O que significa "Brahma Kumaris"?

Brahma Kumaris significa “filhas de Brahma”. Como uma visão embrionária da renovação do mundo, estava a revelação do papel importante e proeminente das mulheres, como professoras espirituais. Brahma Baba também anteviu, corretamente, que os valores profundos baseados nas qualidades femininas tradicionais – paciência, tolerância, espírito de sacrifício, gentileza e amor – gradualmente se tornariam a base do progresso do crescimento pessoal e dos relacionamentos humanos, bem como do desenvolvimento de comunidades solidárias e humanitárias. Para manter o foco neste núcleo vital de liderança, ele designou a organização de “Universidade Espiritual Mundial Brahma Kumaris”.
 
Para mais informações sobre a Brahma Kumaris clique aqui.

Perguntas Frequentes


História e Liderança


Onde e quando é que foi fundada a Brahma Kumaris?

A Brahma Kumaris foi fundada nos anos de 1930, em Hyderabad, Sindh (atualmente é uma parte do Paquistão, mas naquele tempo pertencia à Índia colonial). O fundador, Brahma Baba, formalmente conhecido por Dada Lekhraj Kripalani, anteviu a ocorrência de grandes transformações no mundo através de uma série de visões. Em 1937, ele formou um comité de oito jovens mulheres e criou um grupo informal, que ao se desenvolver tornou-se no que é hoje a Brahma Kumaris.

Qual é a história do fundador da Brahma Kumaris?

Dada Lekhraj era um joalheiro muito respeitado e bem sucedido. Em 1936, com a idade de 60 anos, no momento em que a maioria das pessoas planeia a reforma, na realidade ele entrou na fase mais ativa e fascinante da sua vida. Depois de uma série de visões e experiências profundas e espirituais, ele sentiu um grande puxão para terminar os seus negócios, dedicando então o seu tempo, energia e riqueza para criar a fundação do que seria mais tarde a Universidade Espiritual Mundial Brahma Kumaris.
 
Desta forma ele ficou conhecido como Brahma Baba. Passou o resto da sua vida reunindo pessoas de todas as origens culturais, socioeconómicas e religiosas, para que juntas redescobrissem e desenvolvessem a dimensão espiritual das suas vidas pessoais e a integrassem no seu mundo. Brahma Baba referia que o seu papel era o de um simples instrumento e não o de um guru. Ele reconheceu Deus, o Ser de Luz, o Ser Benevolente, como a principal fonte de inspiração para o trabalho da Brahma Kumaris. Em Maio de 1950, mudou-se juntamente com os outros membros fundadores, de Karachi, no Paquistão, para Mt. Abu, na Índia, onde permaneceu até ao seu falecimento, em 1969.

Perguntas Frequentes


Ensinamentos e Estilo de Vida

 

Qual é o curriculum base da Brahma Kumaris?

No centro dos ensinamentos da Brahma Kumaris está o Curso Introdutório de Meditação Raja Yoga. Este curso traz-nos um entendimento claro e prático do relacionamento do espírito e da matéria, assim como da interação entre as almas, Deus e o mundo material. As aulas do curso facilitam a nossa jornada interior de uma forma efetiva e eficaz. O curso abrange:
 
  • consciência e a autorrealização
  • interação e relacionamento com Deus
  • a lei do karma
  • o ciclo do tempo
  • a árvore da vida
  • estilo de vida espiritual
 
Geralmente as aulas dividem-se em duas partes: 
1ª parte: inclui o conhecimento básico e prático da meditação Raja Yoga. Esta parte é para as pessoas que estão apenas interessadas em aprender a meditar como uma prática regular.  
2ª parte: engloba os ensinamentos do Raja Yoga como um estudo. Os ensinamentos levam o aspirante à profundidade das verdades universais. O objetivo destes ensinamentos foca-se em aprender a concentrar a mente e redescobrir a essência da divinidade na alma. Esta parte é para as pessoas que querem exercer a sua própria razão e bom julgamento; que querem aprender através da autoridade das suas próprias experiências e manter um estilo de vida num plano espiritual mais elevado.

Quais são os pilares principais no estilo de vida da Brahma Kumaris?

Há quatro pilares principais:
 
  • Estudo – o estudo diário do conhecimento espiritual nutre a alma, ajudando a limpar a consciência de “fé cega”, vendo assim os eventos, as situações e as circunstâncias como oportunidades para aplicar os ensinamentos aprendidos.
  • Meditação – a meditação leva a uma interação direta com a Fonte, permitindo que a alma absorva esse poder e que crie mais resiliência e capacidade espiritual.
  • Prática de virtudes divinas – a perceção do eu como uma alma, desperta a essência de virtudes divinas, ganhando assim força interna para ultrapassar as crenças negativas e conquistar a liberdade de ser o eu autêntico.
  • Serviço – ser é a base do servir – utilizando as virtudes da alma para o papel que esteja a desempenhar naquele momento.

Existem algumas disciplinas a adoptar em relação ao estilo de vida na Brahma Kumaris?

A jornada em direção à autorrealização requer a adoção de certas disciplinas no seu estilo de vida. Essas disciplinas são recomendadas e não impostas, no entanto o ambiente na Brahma Kumaris é nutrido pela sua prática. 
 
O estudo e a prática espiritual reforça a jornada espiritual de cada pessoa. Sendo da responsabilidade de cada um, discernir e escolher quais as disciplinas que estão preparados para seguir, dentro deste estilo de vida, e de acordo com o seu próprio ritmo. 
 
As duas disciplinas principais que estão incluídas neste estilo de vida são: 
 
  • Comida sátvica (pura): ter uma dieta vegetariana ou vegana, não consumir drogas, bebidas alcoólicas e tabaco, para além de fazer bem à saúde física, também ajuda a desenvolver a clareza e a concentração.
  • Celibato: o celibato é visto como a base para criar um modo seguro e puro de manter bons relacionamentos, incluindo a forma de ser de cada um. Esta escolha torna as pessoas internamente mais fortes, mais autónomas e mais autoconfiantes, libertando ambos os géneros da sua dependência excessiva um do outro, trazendo maior igualdade. A Brahma Kumaris vê o celibato como sendo fundamental para a autorrealização e também em recriar um relacionamento amoroso com Deus, estabelecendo uma cultura de paz e não violência.

É necessário seguir o estilo de vida da Brahma Kumaris para fazer parte da comunidade?

Não. A Brahma Kumaris é uma comunidade didática, na qual todos os participantes estão envolvidos num processo de desenvolvimento espiritual. Todos têm acesso ao currículo geral, podendo cada um escolher o tema de acordo com o seu interesse. A Brahma Kumaris é uma escola aberta, onde vêm pessoas com diferentes tipos de vida que trazem a riqueza das suas experiências. O nível do seu comprometimento é uma decisão pessoal.

Existe um uniforme especial?

Não há uma roupa específica, embora as roupas simples e informais sejam geralmente apropriadas para a participação nos cursos ou atividades da Brahma Kumaris. Dentro da comunidade Bk, existe uma preferência por se vestir de branco, pois isso reflete as aspirações internas de cada um, relativamente a uma vida de simplicidade, pureza, limpeza e verdade – a prática da meditação Raja Yoga faz emergir estas qualidades.

Qual é o entendimento da Brahma Kumaris sobre a religião?

A Brahma Kumaris enfatiza a importância do elemento “dharma” da religião, isto é, a assimilação dos princípios universais, ensinados por Deus à humanidade, para a renovação e restauração espiritual. O propósito do “dharma” é reconhecer que a espiritualidade é a chave para trazer a justiça, a paz e o bem-estar da humanidade.
 
Independentemente da sua religião, cada alma é moldada espiritualmente através do seu relacionamento com o Ser Supremo, e do seu entendimento e prática da fé e das suas experiências de vida. O caminho a seguir é o retorno à espiritualidade no coração das grandes religiões. Em termos práticos, isto significa viver os ideais mais elevados que a fé inspira dentro das almas - de amor, compaixão, verdade e não violência.

Como funciona a meditação baseada no conhecimento?

Nos ensinamentos da Brahma Kumaris, o momento presente é visto como um ponto de viragem decisivo, no qual está a acontecer uma transformação das consciências. Um dos principais ensinamentos é que a árvore da humanidade tem uma semente, Deus, a Alma Suprema, eternamente preenchida com todas as qualidades divinas. Como filhos da Semente, os seres humanos são uma única família. Ao fazer a mudança subtil, de uma consciência material externa para uma consciência espiritual interna, os seres humans realizam o seu “eu” verdadeiro e reconhecem a Fonte, Deus, podendo então restaurar a sua natureza original de paz, respeito e amor.
 
A meditação Raja Yoga requer que o indivíduo estude o conhecimento espiritual. O entendimento do conhecimento é essencial para a sua prática e aplicação. O objetivo do Raja Yoga é a autossoberania e o autodomínio e por isso é importante que cada um use o seu discernimento na jornada espiritual. O processo de aprendizagem é simples: consiste em escutar e compreender os ensinamentos; contemplar e aplicar os ensinamentos na vida prática; inculcar os ensinamentos e emergir as qualidades inatas na consciência do eu; experimentar o significado da sabedoria introspetiva e decidir a qualidade das suas ações.
 
O processo começa a um nível pessoal, com uma força estrutural coletiva, e, eventualmente, leva a uma mudança de um mundo dividido pela raiva, apego, arrogância, ganância e luxúria, para um mundo mais gentil e pacífico, com o melhor das virtudes humanas - felicidade, amor, paz e pureza.

Qual é o papel do professor de meditação?

O termo “professor” é utilizado para a pessoa que facilita o processo de cada indivíduo no decorrer das aulas do Curso Introdutório de Meditação Raja Yoga. O papel do professor é mais de um orientador espiritual.