Perguntas Frequentes ONU

Perguntas Frequentes sobre a ONU

 

Relacionamento Internacional com as Nações Unidas

A Universidade Espiritual Mundial Brahma Kumaris (BKWSU), com a sua sede espiritual em Mt. Abu, India, está presente pelo mundo inteiro, com centros em mais de 110 países. É uma organização não governamental (ONG) internacional, com a categoria de Estatuto Geral Consultivo, no Conselho Económico e Social das Nações Unidas (ECOSOC); Estatuto de Associado no Departamento de Informação Pública (DPI); Estatuto Consultivo no Fundo das Nações Unidas para as Crianças (UNICEF); Estatuto de Observador na Assembleia das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP); Organização Observadora na Convenção das Nações Unidas para a Mudança Climática (UNFCCC); Membro na Educação da População Rural (ERP) e na Organização da Alimentação e Agricultura (FAO).
 

Há quanto tempo existe este relacionamento da Brahma Kumaris com a ONU?

A Brahma Kumaris está afiliada no DPI desde 1980; no ECOSOC desde 1983; na UNICEF desde 1987; na UNFCCC desde 2009; e na UNEP desde 2014.
 

Quais são as metas e objetivos da Brahma Kumaris e a sua linha de ação?

A Brahma Kumaris pretende clarificar os aspetos espirituais e morais em relação a assuntos de nível pessoal, comunitário e geral; promover uma maior consciência sobre os direitos e responsabilidades correspondentes; fomentar um desenvolvimento sustentável centrado no ser humano, como apoio do seu bem-estar e também numa vertente económica, social e ambiental; promover a igualdade de género.
 

Como é que a  Brahma Kumaris colabora com as Nações Unidas?

Ao fomentar o propósito e os princípios da Carta das Nações Unidas, a Brahma Kumaris tem aplicado a sua trajetória espiritual de tomada de consciência, de atitude, visão e ação em diversas áreas – ‘Objetivos de Desenvolvimento para o Milénio’, ‘Mudança Climática’, ‘Crise Alimentar’, ‘Igualdade de Género’, ‘Saúde Pública Mundial’, ‘Emergências Humanitárias’, ‘Direitos Humanos’, ‘Mulheres’, ‘Crianças’, ‘Juventude’ e ‘Décadas e Dias Internacionais’;
Ao participar nas conferências da ONU, reuniões e comissões: apresentando comunicados orais e escritos, organizando eventos em paralelo e trabalhando com comités de ONGs e convénios.
 

Em que conferências da ONU participou a Brahma Kumaris ao longo dos anos?

Nos anos 80 – A Brahma Kumaris deu início a vários projetos de sensibilização, incluindo ‘Apelo a Um Milhão de Minutos pela Paz’ e ‘Cooperação Global para um Mundo Melhor’.
 
Nos anos 90 - A Brahma Kumaris participou na maioria das conferências mundiais da ONU, incluindo conferências e cimeiras sobre o Envelhecimento, o Desenvolvimento Sustentável, a Cimeira da Terra, a Sociedade de Informação, as Mulheres, a Sociedade Civil, o Trabalho Justo, os Direitos Humanos, o Desenvolvimento Social, a Conferência contra o Racismo, a Discriminação Racial, a Xenofobia e a Intolerância, os Assentamentos Humanos, os Lideres Religiosos e Espirituais, a Saúde e a Juventude.
 
2000 – A Brahma Kumaris focou-se nos Objetivos do Desenvolvimento do Milénio.
 
2010 - A Brahma Kumaris incidiu no Meio Ambiente e participou em:  
 
Convenção das Nações Unidas para a Mudança Climática (UNFCCC) - participando em sessões e com relatórios escritos, organizando eventos em paralelo e exposições:
• Conferência sobre Mudança Climática, Junho 2010 – Bonn, Alemanha
• COP 16 (Conferência das Nações Unidas), Novembro/ Dezembro 2010 - Cancun, México
• COP 17, Novembro/Dezembro 2011 - Durban, África do Sul
• COP18, Novembro/Dezembro 2012 - Doha, Qatar
• COP 19, Novembro 2013 - Varsóvia, Polónia
• 9ª Conferência Global da Juventude sobre o Clima (COY 9), Novembro 2013 - Varsóvia, Polónia
• COP 20, Dezembro 2014, Lima, Peru.
 
Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (RIO+20)
• Presença nos preparativos regionais para a América Latina e Caribe, Região do Pacifico, Região de África e parceiros, e Europa
• Participação com comunicados escritos, eventos em paralelo e exposições na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável Rio+20, de 20 a 22 Junho 2012 – Rio de Janeiro, Brasil
• Workshops e exposições na Cimeira do Povo Rio+20, de 15ª 23 Junho 2012 – Rio de Janeiro, Brasil.
 
Convenção sobre Diversidade Biológica
• COP 11, Outubro 2012 - Hyderabad, India
• COP12, Outubro 2014 - Pyeongchang, Coreia do Sul.

Projetos específicos com os quais a Brahma Kumaris tem contribuído com as Nações Unidas

A Brahma Kumaris iniciou e implementou vários projetos globais, no sentido de ajudar a entender o significado dos programas de ação da ONU na vida das pessoas:
 
• 'Apelo a Um Milhão de Minutos de Paz’ - contido na comemoração do Ano Internacional da Paz, em 1986. A Brahma Kumaris recebeu, em sete países, o ‘Prémio Mensageiro de Paz’ pela sua contribuição significativa
• ‘Cooperação Global Para Um Mundo Melhor’ - uma iniciativa do mensageiro da paz, que foi a continuação do trabalho efetuado em 1986 e que envolveu várias pessoas em 129 países. Foi-lhes solicitado para partilharem a sua visão de um mundo melhor. As respostas foram compiladas numa publicação intitulada ‘Visões para um Mundo Melhor’. (Universidade Espiritual Mundial Brahma Kumaris, 1993)
• ‘Partilhando os Nossos Valores para um Mundo Melhor” - um programa em homenagem ao 50º Aniversário da ONU, no qual foi pedido às pessoas para identificarem os valores que tivessem significado nas suas vidas e nos países onde viviam. O livro “Vivendo Valores: Guia Prático” foi dedicado aos 50 anos da ONU (BKIS, 1995)
• ‘Vivendo Valores’ – o Guia Prático e a Convenção sobre os Direitos das Crianças, foram a base para criar a ‘Iniciativa Vivendo Valores na Educação’, desenvolvida pela Brahma Kumaris e pela UNICEF
• Década Internacional para uma Cultura de Paz e Não Violência - a Universidade assinou um acordo de parceria com a UNESCO e foi designada como um ’Mensageiro para o Manifesto 2000’. Promoveu o Manifesto 2000 ativamente, recolhendo mais de 37 milhões de assinaturas de pessoas empenhadas na sua implementação. A Universidade organizou vários eventos em 51 países e realizou diversos seminários e workshops, considerando e promovendo os princípios e os valores subjacentes a uma cultura de paz.

Atividades permanentes como apoio aos programas da ONU

Acompanhamento anual das datas comemorativas da ONU:
 
• Dia Internacional da Mulher (8 Março)
• Dia Internacional da Felicidade (20 Março)
• Dia Mundial da Saúde (7 Abril)
• Dia do Meio Ambiente (5 Junho)
• Dia Internacional da Paz (21 Setembro)
• Dia Internacional da Juventude (12 Agosto)
• Dia Internacional da Terceira Idade (1 Outubro)
• Dia Internacional da Não Violência (2 Outubro)
• Dia das Nações Unidas (24 Outubro)
• Dia Internacional da Tolerância (16 de Novembro)
• Dia Internacional da Lembrança – dedicado às Vitimas de Acidentes Rodoviários (3º Domingo de Novembro)
• Dia dos Direitos Humanos (10 de Dezembro).
 
Das Semanas:
• Semana da ‘Harmonia Interreligiosa Mundial’ (1 a 7 Fevereiro)
• Semana da ONU sobre a ‘Segurança Rodoviária Global’ (23 a 29 Abril).
 
Das Décadas:
• Década das Nações Unidas sobre o ‘Desenvolvimento Sustentável Para Todos’ (2014-2024)
• Década das Nações Unidas sobre as ’Medidas Para a Segurança Rodoviária’ (2011-2020)
• Década das Nações Unidas sobre a ‘Biodiversidade’ (2011-2020)
• Objetivos das Nações Unidas no Desenvolvimento Sustentável.
 
Outras Actividades:
• Promover a Igualdade de Género e o Fortalecimento das Mulheres Jovens, através da ‘Comissão sobre a Condição das Mulheres’
• Iniciativa mundial ‘A Dimensão Espiritual do Trabalho Digno’ como apoio à Agenda da Organização Internacional do Trabalho, sobre o trabalho digno
Pesquisa e desenvolvimento de Energias Renováveis, de modo a garantir uma sustentabilidade ambiental
• Redução da taxa de mortalidade infantil e melhoria da saúde materna, através da ação do Hospital Global e Centro de Pesquisa
• ‘Valores nos Cuidados de Saúde: Abordagem Espiritual’ - programa de desenvolvimento pessoal e de equipa, para as pessoas da área de cuidados de saúde, em parceria com a Fundação Janki para os Cuidados da Saúde Globais
• Diálogos sobre ‘O Apelo do Tempo’: acontecem anualmente em Oxford, no Reino Unido, onde se reúnem líderes de todas as idades e de diferentes estilos de vida. A base é o entendimento entre o espiritual e o material
O Futuro do Poder – é uma série de diálogos exclusivos que explora os próximos passos nas “mudanças de poder" e do seu impacto sobre a liderança no século XXI.
 
 
Visite-nos em: